Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 25 de outubro de 2016

● Em Itaituba a PF acordou cedo lariquentos que desviaram R$2.387.719,67 do FUNDEB e FNDE – Prefeitão eleito Valmir Climaco tá no rolo e talvez não assuma o cargo em 2017

‘OPERAÇÃO DESEDUCA’ DA POLÍCIA FEDERAL EM ITAITUBA CONTRA DESVIOS DO DINHEIRO DA EDUCAÇÃO

Na manhã de hoje (25), a Polícia Federal de Santarém deflagrou a "Operação Deseduca", no município de Itaituba/PA. A operação teve o objetivo de coibir o desvio de recursos públicos federais destinados à reforma e construção de escolas creches e quadras poliesportivas, no ano de 2012. Ao todo estão sendo cumpridos 07 (sete) mandados de condução coercitiva, 01 (um) mandado de prisão preventiva, 07 (sete) mandados de busca e apreensão e o sequestro e bloqueio de bens dos investigados no valor total de R$2.387.719,67.
FOTO DA OPERAÇÃO DESEDUCA DA POLÍCIA FEDERAL EM ITAITUBA PA
Durante as investigações, constatou-se que o esquema se iniciava com a fraude em licitações. As empresas vencedoras eram contratadas para executar obras para a educação, porém algumas foram feitas em partes e outras nem sequer foram iniciadas. Um dos fatos que chamou a atenção na investigação foi o pagamento de mais de meio milhão de reais para uma das empresas no último dia de expediente bancário do último ano da gestão do governo que terminou em 2012. A verba seria referente à reforma da Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental César Almeida I, que nunca foi feita (fotos abaixo). Os recursos desviados eram provenientes do FUNDEB e FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).
FOTO DA OPERAÇÃO DESEDUCA DA POLÍCIA FEDERAL EM ITAITUBA PA
Os conduzidos prestarão depoimentos à Polícia Federal e serão indiciados por desvio de recurso público e associação criminosa (Art.1, I, do DL201/67 e Art.288 do CP). Todo o material apreendido será analisado e periciado na busca de provas e evidências que confirmem os crimes e a ligação dos suspeitos aos fatos. A Polícia Federal ainda investiga outros contratos que totalizam cerca de 16 milhões de reais nos quais podem ter ocorrido outros desvios.
FOTO DA OPERAÇÃO DESEDUCA DA POLÍCIA FEDERAL EM ITAITUBA PA

A operação foi batizada com este nome porque investiga a má gestão das verbas públicas destinadas à educação. Deseduca significa o processo inverso de educar, ou prejudicar a educação.
FOTO DA OPERAÇÃO DESEDUCA DA POLÍCIA FEDERAL EM ITAITUBA PA
Valmir Climaco está sendo ouvido neste momento na Polícia Federal em Brasília. Estava em um encontro de prefeitos lá. Foi feita buscas na casa dele em Itaituba
FOTO DA OPERAÇÃO DESEDUCA DA POLÍCIA FEDERAL EM ITAITUBA PA
Acima fotografias da Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental César Almeida I, localizada em Moraes de Almeida, Itaituba/PA, que deveria ter sido reformada com parte dos recursos desviados.

(Assessoria de Comunicação Social Superintendência da Polícia Federal no Pará)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar o que quiser, apenas com coerência e sem ataques pessoais.