sábado, 2 de março de 2024

● PREFEITO VENCEDOR - A Chapa CNM Independente que o prefeito de Santarém Nélio Aguiar concorria como 1º Tesoureiro, venceu as eleições da Confederação Nacional de Municípios (CNM) para a Gestão 2024-2027.


 ● FAMEP PARABENIZA CHAPA ELEITA PARA NOVA DIRETORIA DA CNM, NA QUAL O PRESIDENTE DA FEDERAÇÃO, NÉLIO É 1º TESOUREIRO - A Chapa CNM Independente venceu as eleições da Confederação Nacional de Municípios (CNM) para a Gestão 2024-2027. Liderada pelo atual presidente da entidade, Paulo Ziulkoski, a chapa recebeu 55,61% dos votos. A FAMEP celebra a união dos municípios do Pará, através dos prefeitos e prefeitas, associações e consórcios regionais que, sob a liderança presidente da entidade e prefeito de Santarém, Nélio Aguiar, conseguiram mobilizar o Pará em torno da Chapa 01, que fez uma grande diferença na eleição. “É muito gratificante ver esse resultado e mais ainda, ver a união do nosso estado pela continuidade no trabalho em prol do desenvolvimento municipalista, aproveito para parabenizar nosso presidente Paulo, que também reconhece a importância do Pará no processo eleitoral que resultou na vitória da Chapa CNM Independente”, destacou. “Seguiremos trabalhando pelo desenvolvimento dos municipais brasileiros e paraenses”, reforça Nélio. A eleição para escolha dos integrantes do Conselho Diretor, do Conselho Fiscal e do Conselho de Representantes Regionais ocorreu de forma eletrônica e contou com grande participação dos Municípios paraenses. (Fonte: FAMEP)

● AÍ É RALADO! O canal UOL diz que o tar de Coronel Neil, deputado estadual bolsonarista do PL - Pará anda espalhando fale news...


 ● ALÔ CIDADÃO PARAENSE, DEPUTADO ESTADUAL BOLSONARISTA, TAR DE CORONEL NEIL DO PL – Pagou com o seu dinheiro, para impulsionar postagens de denúncias falsas sobre um suposto esquema de exploração infantil no Arquipélago do Marajó - Ao menos seis políticos investiram para alavancar esses conteúdos: os deputados federais Luciano Galego (PL-MA) e Maurício Neves (PP-SP), o deputado estadual Coronel Neil (PL-PA), a vereadora Lú Bittencourt (PL-SC), os vereadores Reinaldo Digilio (PRB-SP) e Lucas Ferreira (sem partido) – A informação é do UOL, está aqui link da matéria   https://twitter.com/UOLNoticias/status/1763613718779248817

terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

● UNIÃO BRASIL FECHOU COM JACIARA EM TERRA SANTA - O Ministro do Turismo Celso Sabino que é presidente estadual do União, reuniu com a comitiva terra-santense em Santarém nesta terça (27)

 

● UNIÃO CHEGA FORTE EM TERRA SANTA – CELSO SABINO REUNE COM JACIARA PICANÇO – Aconteceu nesta terça-feira (27) no Centro de Convenções Sebastião Tapajós em Santarém, a reunião do Ministro do Turismo que é presidente estadual do União Brasil, com a comitiva de lideranças do partido em Terra Santa, capitaneada pela vice-prefeita Jaciara e o ex-prefeito Marcílio Picanço – O encontro com  Celso Sabino foi para fortalecer os laços com o União Brasil Municipal, que nestas eleições de 2024, irão marchar juntos pela sucessão do prefeito atual Doca Albuquerque -  O encontro foi muito proveitoso porque selou o compromisso de um dos maiores partidos do Brasil em apoio a pré-candidata Jaciara Picanço para o pleito de 2024.  

● A PARADA É MUITO LOUCA – Olhe parente, que o povo brasileiro é muito criativo, isso é fato e a gente sabe disso faz tempo, mas tem uma espécie de brasileiro que a NASA deveria ter a obrigação de estudar – Veja a narrativa desse galego – Fico aqui matutando pro tempo, pesando... que tipo de cerveja é essa que ele fumou...rs!


 

● ZÉ MARIA TAPAJÓS entra na pré-campanha muito forte, com o apoio do governador Helder Barbalho e do prefeito de Santarém Nélio Aguiar.

● BANZEIRO POLÍTICO 2024 – ZÉ MARIA TAPAJÓS, MUITO FORTE NA PRÉ-CAMPANHA – O ex-deputado estadual José Maria Tapajós, se credenciou para ser o sucessor do prefeito de Santarém Nélio Aguiar, Zé conseguiu o que todo pré-candidato sonha um dia em uma disputa eleitoral por uma prefeitura, que é receber o apoio do governador do Estado e do prefeito que ele pretende suceder – Helder hoje é sucesso nacional, entrou para a história política do Pará como o governador mais votado do Brasil – Nélio Aguiar é hoje o prefeito mais bem avaliado do Pará, a parceria de sucesso Helder e Nélio, que trouxe grandes investimentos para Santarém, pode ser um fator decisivo na disputa pelo trono do Palácio Jarbas Passarinho, vamos aguardar!

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

A dianteira tomada pela direita na adoção da bandeira antiestablishment impõe à esquerda o desafio de se reconectar com suas raízes.

 

● O POVO CONTRA AS ELITES - O ativismo antiestablishment surgiu no calor da revolução industrial do século XIX. Simbolizava a resistência contra as elites econômicas e políticas, marcando um período de intensa luta de classes. Essa atitude política animou o surgimento de movimentos como o anarquismo e o socialismo, críticos ao capitalismo industrial e suas inerentes desigualdades sociais, propondo uma reestruturação das relações de poder em busca de uma sociedade pautada pela igualdade e justiça. Ao longo do tempo, essas ideias formaram a espinha dorsal da agenda progressista, visando a transformação social por meio da contestação das estruturas de poder e do monopólio privado das riquezas.

Contudo, na virada do século XX, presenciamos uma apropriação da retórica antiestablishment pela direita política, que assim angariou apoio popular entre eleitores insatisfeitos com o status quo, animando discursos que, embora aparentemente desafiem as elites, visam, na realidade, perpetuar as estruturas de poder existentes, desde que controladas por novos líderes. A emergência do neoliberalismo exacerbou esse fenômeno, enfraquecendo organizações trabalhistas e diluindo a radicalidade das lideranças de classe, muitas das quais foram absorvidas pelas estruturas estatais. Como resultado, a crise econômica acentuada pelas políticas neoliberais minou a confiança nas instituições tradicionais e agravou a exclusão social, ao mesmo tempo em que a esquerda se distanciava de sua base, adotando um discurso cada vez mais complexo e distante dos confrontos diretos entre explorados e exploradores. A luta de classe, síntese necessária da realidade social capitalista, deu lugar a uma plêiade de identitarismos, esgarçando os recursos programáticos e distanciando a esquerda da base social que animou sua origem e crescimento e da ambição por uma transformação estrutural da sociedade, que pressupunha um tipo de horizontalidade dentro dos processos de produção e o empoderamento popular na forma de alguma democracia direta.

A dianteira tomada pela direita na adoção da bandeira antiestablishment impõe à esquerda o desafio de se reconectar com suas raízes. A realidade do trabalho precário e a diminuição do número de operários industriais não diminuem a relevância da classe trabalhadora, que ainda forma a maioria da população. Reconhecer isso implica reafirmar o compromisso com o combate à desigualdade e a exclusão, retomando a luta contra a exploração capitalista com propostas concretas e transformadoras. Ouvir os trabalhadores, fortalecer a organização de base e abrir espaço para novas lideranças são passos essenciais nesse processo.

Além disso, a luta contra a corrupção e a concentração de poder devem voltar à retórica de esquerda, que não pode se omitir do combate firme e corajosa contra essas práticas.

Outro aspecto crucial nesse resgate é a politização da questão ambiental. A preocupação com o meio ambiente e o impacto das mudanças climáticas é uma prioridade para a maioria da população, que apoia a proteção ambiental mesmo que isso implique em menor crescimento econômico. A esquerda deve liderar o debate sobre a reorganização dos modos de produção e consumo sob uma lógica pós-capitalista, defendendo a transição para um socialismo ecológico que priorize as necessidades da população em primeiro lugar.

Essa postura pode não apenas reconquistar a confiança das massas, mas também reforçar a imagem da esquerda como real defensora dos interesses coletivos. A mobilização popular contínua e o diálogo direto com os cidadãos são fundamentais para reconstruir a legitimidade e o apoio de amplas massas à esquerda.

A autocrítica sobre como a esquerda perdeu a bandeira antiestablishment para a direita pode enriquecer o debate, oferecendo aos progressistas a oportunidade de reafirmar seu compromisso com a transformação social e a defesa dos interesses da classe trabalhadora. Retomar a bandeira do povo contra as elites representa não apenas um desafio político, mas uma nova chance de fortalecer a luta por uma sociedade mais justa, igualitária e radicalmente democrática.

● Chico Cavalcante é jornalista, consultor político e autor, dentre outras obras, do "Manual do Marketing de Guerrilha" (Senac-SP).


● O QUE ACONTECEU COM JAIR BOLSONARO??? No dia 07 de Setembro de 2021, o Capitão Jair bradava aos quatro ventos na Av. Paulista para seus seguidores: “Sai, Alexandre de Moraes! Deixa de ser canalha!” – Domingo 25 de fevereiro de 2024, o Capitão brada na mesma Av. Paulista para seus seguidores: “...mas o que eu busco Caiado (citando o governador de Goiás) é a pacificação. É passar uma borracha no passado...” - Será que o Bolsonaro tá com medo do Xandão mandar ele pra Papuda? O que você seguidor do Bolsonaro acha, será que ele arregou pro Xandão??? Putitanga!



 

domingo, 25 de fevereiro de 2024

Político do centrão obviamente incomodado de estar ali, mas topando qualquer coisa que mele as investigações sobre o golpe porque, se forem fuçar, tem uns prints de WhatsApp do sujeito do final de 2022...

 

USTRAPALOOZA, FESTIVAL GOLPISTA NA PAULISTA - Neste domingo temos manifestação a favor do golpe na avenida Paulista com as presenças de Jair Bolsonaro, Tarcísio de Freitas, Ronaldo Caiado e outros entusiastas da destruição do Estado de Direito. Se tudo der certo para o Brasil, deve ser a última edição do Ustrapalooza, festival golpista que teve várias edições desde 2019. Para quem quiser acompanhar, segue a cartela do bingo do festival. Marque um "x" quando avistar qualquer um dos seguintes itens. Político do partido Novo dizendo "não concordo com tudo que Bolsonaro diz, só acho que [segue lista de tudo que Bolsonaro diz]". Político do centrão obviamente incomodado de estar ali, mas topando qualquer coisa que mele as investigações sobre o golpe porque, se forem fuçar, tem uns prints de WhatsApp do sujeito do final de 2022, que, rapaz, é melhor esconder da polícia. Político do centrão que está ali porque foi comprado pelo orçamento secreto no governo passado, mas até hoje não recebeu propostas concretas de Paulo Guedes que pudessem ser votadas. Partindo de seu código de honra muito peculiar, pensou: bom, vou nesse trio elétrico aí e pronto, mercadoria entregue. Discurso dizendo que as Forças Armadas nunca tentaram dar um golpe, que as Forças Armadas são bastiões inquebrantáveis da cultura democrática, que as Forças Armadas jamais sonhariam em quebrar a ordem institucional, mas que, se continuarem dando ordem de prisão para militar golpista, bom, aí não vai ter jeito, vai ter que ter golpe mesmo. (Por Celso Rocha de Barros – Sociólogo – Oxford Inglaterra - Folha)


sábado, 24 de fevereiro de 2024

● NÃO TEVE PEDIDO DE DESCULPAS – Lula deu outra lambada no lombo do genocida - O tar de Benjamin Netanyahu primeiro-ministro de Israel ‘botou buneco’ com o Lula, tirando uma de moralista – Gente, Israel é um paisinho perereca do tamanho de Sergipe, nem se compara com o Brasil que é hoje a 9ª economia mundial e não precisa de uma agulha dessa turma de lá do cafundó do Judas – Lula desceu a borduna no lombo do Netanyahu.

 


● ALTER DO CHÃO 266 ANOS – Dia (6) de março a Vila de Alter do Chão comemora seu aniversário de 266 anos – Uma grande festa está sendo preparada contando com a presença e a colaboração de todos, para que unidos possamos festejar essa data importante para a nação Borari – A música: Alter do Chão, Meu Amor, Meu Paraíso, Minha Casa, Meu Lugar composta por Gonzaga Blantez e amigos, interpretada por cantores e compositores de Alter do Chão, faz uma singela homenagem e celebra a rica cultura alterdochaneira... Leia mais aqui ▼


 ● MÚSICA:

Alter do Chão, Meu Amor, Meu Paraíso, Minha Casa, Meu Lugar

● MÚSICOS:

No Sax Duka, Marcos Silva Teclados, Gonzaga Blantez

Violão Base e Júlio Tapará Banjo e Violão - Loop Percussão

VOZES: Donaldo Lobato, Diego Rayan, Carol Pedroso,

Nico De Alter, Nelson Vinencci E Gonzaga Blantez

● COMPOSITORES:

Gonzaga Blantez, Juca Tunes, Dona Del,

Donaldo Lobato, Diego Rayan, Nico de Alter, Carol Pedroso,

Nelson Vinencci E Celeste Matos

● CONCEPÇÃO, ARRANJOS E REGÊNCIAS:

Gonzaga Blantez

Gravada No Estúdio do Júlio Tapará Em Santarém

● IMAGENS:

Acervo Cultural de Alter Do Chão

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

● O UNIÃO BRASIL faz sua convenção municipal na terça (27) no Clube da Jangada de Santarém - O Ministro do Turismo Celso Sabino vai estar presente.

● UNIÃO BRASIL FAZ CONVENÇÃO EM SANTARÉM COM A PRESENÇA DE CELSO SABINO – O prefeito de Santarém Nélio Aguiar que é o presidente municipal do partido, está convocando os filiados e simpatizantes da sigla União Brasil, para a grande convenção municipal na terça-feira (27) no Atlético Cearense (o clube da jangada) com a presença do Ministro Celso Sabino – O União é um dos maiores partidos do Congresso Nacional, possui 59 cadeiras na Câmara e 5 no Senado Federal – A Convenção do União vai definir os candidatos que concorrerão nas eleições deste ano – Não perca!
 

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

● VOCÊ SABE O QUE É TEOLOGIA DO DOMÍNIO? – Terraplanistas entendem que o cristão perdeu o domínio sobre os tar de ‘Sete Montes’, então é preciso reconquistá-los para reconstruir o planeta com base em valores cristãos, para prepará-lo ao retorno de Jesus Cristo - Esses Sete Montes são: “Família, Religião, Educação, Mídia, Lazer, Negócios e Governo” – Essa maluquice criada nos EUA fabricou Bolsonaro, Natanyahu, Milei e outros líderes da extrema-direita por esse mundo cão – Assista a aula do Professor João Cezar de Castro.


 

● O PREFEITO DE SANTARÉM NÉLIO AGUIAR mostrando esta semana as ações do seu governo na área odontológica - Santarém avança e sem duvida é uma das cidades com a melhor cobertura da saúde bucal do Estado - O prefeito se refere aos avanços da saúde da população santarena em seu governo.


 

● PUTITANGA! PACHECO PEGOU UM SENHOR RALHO DO AZIZ - "Me tipifique o que é matar 30 mil inocentes" - Filho de palestinos, o senador do Amazonas exigiu uma resposta sobre a matança do grande número de crianças e mulheres na Faixa de Gaza – Pacheco ficou mais quieto que cachorro em proa de canoa...rs!


 

terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

● VEJA SÓ, ISSO PODE DAR CASSAÇÃO DE MANDATO - O Prefeito de Oriximiná Willian Fonseca, numa atitude insana, não aguardou o resultado do pedido doação do prédio da SEFA, torrou o dinheiro suado do povo espoca bode e agora vai ter de devolver o prédio.

● ORIXIMINÁ – PREFEITO TORROU DINHEIRO DO POVO NO PRÉDIO DA SEFA E VAI TER DE DEVOLVER O PRÉDIO PARA O ESTADO E O DINHEIRO DO POVO ORIXIMINAENSE - O prédio que hoje é o Museu Konduri em Oriximná, é parte do patrimônio da Secretaria de Estado da Fazenda - Ele estava temporariamente desativado por falta de servidores e aguardando concurso público para reiniciar suas atividades - Acontece que a Prefeitura fez uma solicitação de "Doação" do prédio na CERAT Santarém e iniciou-se o trâmite legal para análise do pedido - Durante o trâmite, foram colecionados vários pareceres desfavoráveis ao requerimento e, um deles, depara-se com a impossibilidade da doação, visto que essa configuração jurídica (Doação) não cabe ao Poder Executivo, somente ao Legislativo, que através de uma Lei, pode doar um imóvel de propriedade do Estado - Outras argumentações também foram usadas para externar a negativa, como é o caso da cessão à Adepara e a utilização da própria SEFA, a partir da disposição de novos servidores advindos do último concurso público - O Prefeito da estrema direita conservadora de Oriximiná Willian Fonseca, numa atitude insana, não aguardou o resultado do seu pedido e invadiu o prédio da SEFA, reformou com dinheiro público e agora vai ter que devolver o prédio para o Estado que  através da Procuradoria, está requerendo em juízo, a reintegração de posse e apuração da responsabilidade – Vamos aguardar!



 

● INTITUTO SEBASTIÃO TAPAJÓS tem nova direção - O músico, cantor e compositor Gozaga Blantez, assume o posto de presidente por dois anos.

● GONZAGA BLANTEZ ASSUME O INSTITUTO SEBASTIÃO TAPAJÓS – Nesta segunda (19) às 20 horas no Theatro Vitória, ocorreu a eleição para a escolha do novo presidente do IST - Instituto Sebastião Tapajós em Santarém – A chapa Igapó comandada pelo músico, cantor e compositor Gonzaga Blantez assumiu o comando do IST, após a chapa concorrente desistir da disputa – Blantez que fez parcerias em diversas composições com Sebastião Tapajós, vai comandar por dois anos, de fevereiro de 2024 a fevereiro de 2026 – A nova diretoria tem muitos novos projetos e inicia a gestão com ideias e expectativas inovadoras – Veja como ficou a nova diretoria do IST ▼      

 

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2024

🌐 PARADA ESPECIAL... Recebendo a visita do meu amigo Vagner Pimentel no QG do Blog do Nelson Vinencci em Alter do Chão - Vagner é um grande articulador dos corredores de Brasília - Sempre muito bem informado e trazendo notícias quentes do Planalto Central.

 


● AI MEU SANTINHO! PF QUER OUVIR NA QUINTA (22) Bolsonaro, Heleno, Braga Netto, Valdemar e mais seis pra eles contarem tim, tim, por tim, tim a presepada do golpe de Estado.

 

● AI MEU SANTINHO! A PF INTIMA BOLSONARO E UMA PATOTA PARA DEPOR NESTA QUINTA 22 - Além do ex-presidente Jair Messias Bolsonaro, a PF intimou também o ‘tar’ de General Heleno, Braga Netto e o ‘catiguria’ Valdemar da Costa Neto para depor sobre a tentativa de golpe de Estado –As intimações são dirigidas a 10 dos investigados na maluquice do golpe em Brasília – Os intimados correm da sala para a cozinha, pois se der uma bronca, eles podem ficar detidos e a manifestação do dia 25 já era...rs!

● LULA JARARACA mandou o embaixador brasileiro pegar o beco de Israel - O Lula tem razão, esse 'tar' de Israel, um paisinho barrela botando banca com o Brasil, manda esse peste pra juquira...rs!

 

● PUTITANGA! LULA VAI CORTAS RELAÇÕES DIPLOMÁTICAS COM O ‘TAR’ DE ISRAEL – O presidente Lula ‘jararaca’ acaba de chamar de volta o embaixador do Brasil em Israel – É o primeiro passo para o fim das relações diplomáticas entre os dois países - O Lula não compactua com genocídio e nem aceita chantagens de israelense ingrisilhento – Tá certo o Lula, um paisinho perereca botando banca com o Brasil, exigindo pedido de desculpas e coisa e tal – O Brasil não deve nadica de nada para esse ‘tar’ de Israel, manda catar coquinho...rs!

● LULA RALHA NETANYAHU E NÃO VAI PEDIR DESCULPAS – Antes do presidente do Brasil descer o tacape no lombo do Benjamin Netanyahu, 1º Ministro de Israel, sobre os ataques em Gaza, Lula recebeu aval de chefes de Estado e governos de 77 países – Daí Israel declara que Lula é 'persona non grata', mas aí hein... O Brasil é a 9ª economia mundial, Israel é do tamanho de Sergipe e não está nem entre as 20 nações mais rica do mundo – Um paizinho perereca, perto do Brasil Israel é um lascado, tá querendo vencer a guerra de baladeira...rs! Veja aqui as 20 nações mais ricas do planeta▼

 ● TOP 20 DO FMI DAS MAIORES ECONOMIAS DO MUNDO EM 2023 - O Brasil apareceu em nono na lista, com um PIB (Produto Interno Bruto) estimado em US$ 2,13 trilhões - Veja as 20 maiores economias do mundo em 2023, segundo projeção do FMI:

1º Estados Unidos - US$ 26,95 trilhões

2º China - US$ 17,7 trilhões

3º Alemanha - US$ 4,43 trilhões

4º Japão - US$ 4,23 trilhões

5º Índia - US$ 3,73 trilhões

6º Reino Unido - US$ 3,33 trilhões

7º França - US$ 3,05 trilhões

8º Itália - US$ 2,19 trilhões

9º Brasil - US$ 2,13 trilhões

10ºCanadá - US$ 2,12 trilhões

11ºRússia - US$1,86 trilhão

12ºMéxico - US$1,81 trilhão

13ºCoreia do Sul - US$1,71 trilhão

14ºAustrália - US$1,69 trilhão

15ºEspanha - US$1,58 trilhão

16ºIndonésia - US$1,42 trilhão

17ºTurquia - US$1,15 trilhão

18ºHolanda - US$1,09 trilhão

19ºArábia Saudita - US$1,07 trilhão

20ºSuíça - US$ 905 bilhões

Fonte: (UOL)

domingo, 18 de fevereiro de 2024

● CANTORIA DOMINGUEIRA – O Blog mostra em primeira mão o single para você ouvir e começar a celebrar os 266 anos da Vila de Alter do Chão – Amigos da praia mais bela do Brasil, se reuniram na Confraria da Celeste e produziram essa cantoria nativa, que deve marcar as comemorações do aniversário de Alter no dia 06 de março – Em breve vamos mostrar o clip oficial com os cantadores do single PARABÉNS ALTER DO CHÃO! Veja a letra do single aqui▼



● ALTER DO CHÃO 266 ANOS



Alter do Chão praia de areia branca

Do Lago Verde e do Rio Tapajós

Do Çairé e das belas nativas

Do teu rico folclore, dos muiraquitãs



Dona Luzia e Dona Domingas,

Maria Justa e Dona Teté,

Seu Argentino, Alípio e Xuíca,

Vilésio, Malaquias e o Seu Café



São lembranças de bravos guerreiros

Que reviveram o nosso Çairé



Tem Boto Cor-de-rosa

Tem Boto Tucuxi

Folclore de pura magia

Expressão do povo daqui

Tem a desfeiteira

Tem o marambiré

Nossa Senhora da Saúde

Padroeira do povo de Alter



Alter do Chão

Parabéns por esse dia

Que nos vamos festejar

Alter do Chão

Meu amor, meu paraíso

Minha casa, meu lugar

● A HISTÓRIA PODE SE REPETIR NA PAULISTA??? Em julho de 1992, Fernando Collor pediu à população para sair às ruas de verde e amarelo - O Povo se vestiu preto e pediu o impeachment dele – Na época Collor era presidente, Bolsonaro não é mais nada e está inelegível, putitanga!

● BOLSONARO PEDE SOCORRO - A CENA É CONHECIDA - Numa reunião com taxistas, em julho de 1992, Fernando Collor pede à população que saia às ruas no domingo seguinte usando verde e amarelo, numa manifestação contrária ao processo de impeachment que vinha sofrendo no Congresso. “Estaremos mostrando onde está a verdadeira maioria”, promete. Não deu certo, e multidões saíram de casa naquele dia vestindo preto. Jair Bolsonaro fez idêntico pedido ao marcar para 25 de fevereiro um comício na Avenida Paulista. Anunciou que vai se defender das acusações de tramar um golpe no país.

O apelo de Bolsonaro, tal como no caso de Collor, ecoa desespero. Até virem a público as trocas de mensagens entre seus ex-auxiliares, militares e civis, e o vídeo da reunião no Planalto em que medidas ilegais para impedir a posse de Lula eram tratadas sem disfarce, o ex-presidente era visto como um grande cabo eleitoral da direita. Nessa condição, seria natural que essas forças assumissem a defesa de seu líder e protestassem contra a “perseguição” de que ele se diz vítima. Não é bem isso que se vê.

Bolsonaro precisou apelar ao governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, e ao prefeito da capital, Ricardo Nunes, para que subam no seu palanque. Ambos devem comparecer, apesar de pressões de outros aliados, preocupados com a toxidade da companhia de Bolsonaro. Tarcísio vem mantendo relação amistosa com o presidente Lula e, por isso, é atacado pelos radicais nas redes. Deve usar o evento para equilibrar o próprio jogo, já que em parte deve sua eleição a Bolsonaro. Nunes vai disputar a reeleição e talvez não possa se dar ao luxo de abrir mão do voto dos bolsonaristas. Se for, vai contrariar colaboradores e o próprio partido, o MDB.

O pastor evangélico Silas Malafaia prontificou-se a bancar os custos e está em campanha nas redes divulgando o evento. Bolsonaro pode até encher a Paulista — se conseguiram invadir o Congresso e o STF, deve haver quem se disponha a aplaudi-lo —, mas a sua capacidade de liderar definha. O fato de estar proibido de falar com Valdemar Costa Neto, presidente de seu partido, o PL — em liberdade provisória, depois de amargar duas noites na cadeia —, é mais um dos problemas.

Valdemar planejava tentar eleger ao menos mil prefeitos em outubro, cerca de 20% do total. Agora, tem de se ocupar em salvar a própria pele e em preservar o gordo caixa do PL, ameaçado com multas milionárias pelo envolvimento do partido — com dinheiro público — nas articulações golpistas. Ele via em Bolsonaro sua galinha dos ovos de ouro, passaporte para a eleição de uma bancada de deputados federais, em 2026, que lhe proporcionaria o controle de mais recursos. Com a vigilância da Polícia Federal isso vai ser bem mais difícil.

Em 1992, depois que a população vestiu preto, o fim de Collor foi selado. Bolsonaro ainda tem muita popularidade, mas os fatos revelados esvaziam seu poder de comandar a oposição a Lula. O empresariado que bancou sua aventura no poder na eleição de 2018 se retraiu e parece ter feito as pazes com o governo petista. No mês passado, por exemplo, o Índice de Confiança do Empresários Industrial (Icei) avançou 2,2 pontos, de 51,0 pontos para 53,2 pontos. Setores radicais do agro estão na mira da Polícia Federal pelo financiamento dos ataques de 8 de janeiro e, talvez, não queiram deixar digitais agora.

Bolsonaro já está inelegível até 2030, e pode continuar assim por ainda mais 23 anos, se for condenado pelos crimes de tentativa de golpe de Estado, tentativa de abolição do Estado democrático de Direito e associação criminosa. O capitão começou a pedir socorro.

(Por: LYDIA MEDEIROS – Fonte: Congresso em Foco)

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2024

● HELDER BARBALHO PRESIDENTE DO BRASIL – Entenda por que o governador do Pará é hoje o nome mais forte para disputar a presidência do Brasil em 2026 pelo MDB - O cientista político e sociólogo Márcio Pontes, faz uma análise séria sobre o potencial do Helder no cenário da política nacional – Helder foi perseguido pelo Bolsonaro com a polícia na porta dele, venceu todas as armadilhas da direita, foi o governador mais votado do Brasil, tirou Bolsonaro do poder quando esteve do lado de Lula, e tem mais, hoje faz palestras, workshop para governadores e prefeitos por todo o Brasil, veja ▼

 


● POTOCA NEWS - Tá na Folha de São Paulo de hoje - Potoqueiros bolsonaristas estão espalhando nas redes, que Milei, Trump e Elon Musk vão estar na Paulista na lambança do Bolsonaro dia 25, putitanga!

● POTOCA NEWS [BATEU O DESESPERO] - Grupos de bolsonaristas no WhatsApp vêm anunciando presenças internacionais ilustres, e descabidas, no ato convocado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) para o dia 25 de fevereiro, na avenida Paulista. Circulam fotos e vídeos garantindo que participarão da manifestação o presidente da Argentina, Javier Milei, o ex-presidente dos EUA Donald Trump e o megaempresário sul-africano Elon Musk. Nenhuma com a mais remota chance de se concretizar. (Fonte: Folha SP)

● SEXTOU aqui no meio da Amazônia, Alter do Chão Beach Borari Root – Bom Dia!!!


 

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2024

● GUEDES: “A COVARDIA É UMA MARCA DE BOLSONARO - Não é a história de herói. Em todos os momentos em que ele se confrontou com a lei, ele deu marcha à ré. Foi na expulsão do Exército, na ameaça de cassação do seu mandando e na discussão de minuta para decretar um estado de sítio”, analisa Octavio Guedes sobre postura do ex-presidente – Na verdade todos os bolsonaristas são assim, nas redes sociais é uma valentia e arrogância sem limite, mas quando a PF bate na porta deles, viram uns doces... rs!


 

● DE VOLTA, O TRABALHO NÃO PARA - DIA DE GRANDES CONQUISTAS E MUITOS AVANÇOS – O prefeito de Santarém Nélio Aguiar, após o feriadão do carnaval, volta com força total, já fez várias reuniões produtivas hoje e entrega para a população, as novas instalações e a implantação de um novo laboratório no Hospital Municipal, com equipamentos de última geração – Só se vence as batalhas com muito trabalho e com o prefeito Nélio Aguiar não tem tempo ruim.



 

● HOJE EM ALTER DO CHÃO – A magia da manhã na praia mais bela do Brasil nesta quinta (15) de fevereiro de 2024 – Tempo de cheia é cantoria de alagação, o vento sopra do Lago Verde, o sol por trás das nuvens revelando mais um dia no paraíso celestial dos Borari – Bom Dia!






 

● ÉGUA DO RALHO – RALHO DE ARCEBISPO DÓI MAIS - O arcebispo de Belém Dom Alberto Taveira dá um ralho na escola de samba Império de Casa Verde, de São Paulo, que homenageou a cantora parauara Fafá de Belém – O homem de Deus não gostou do que viu a Fafá desfilando vestida de Nazinha, com aquele sorrisão largo dela – Os devotos enciumados sapecaram críticas nas redes sociais e o Dom Alberto pegou corda deles – Sinceramente não vi nada de mais, ficou foi pai d’égua a Fafá de Nazinha.


 

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2024

● APROVAÇÃO DO LULA DISPARA - O ano começa bem para o presidente Luiz Inácio Lula da silva.

 

APROVAÇÃO DO LULA CRESCE NO MEIO DO POVÃO - A aprovação do governo Lula subiu entre dezembro e janeiro - Numa trajetória ascendente que se verifica desde maio passado: 62% dos brasileiro aprovavam "o trabalho do governo federal" em janeiro contra 59% que diziam o mesmo no mês anterior (contra 32% que reprovavam em dezembro e 29% m janeiro) - Os números são da mais recente pesquisa encomendada ao Instituto FSB (O Globo) 

● Alô Governador Helder Barbalho ajude o Mauro Wanzeler a libertar o povo que hoje vive oprimido em Oriximiná....

● MAURO 2024 – VEREADOR É O ÚNICO QUE TEM CONDIÇÕES DE ENFRENTAR O FOSECA EM ORIXIMINÁ – Até que enfim um filho de Oriximiná está honrando sua terra – O vereador Mauro Wanzeler tem demonstrado estar preparado para enfrentar o atual prefeito Willian Fonseca, que governa com todos os requintes de um bolsonarista aloprado – Hoje a política do tapinha nas costas não funciona mais, para você vencer uma campanha de prefeito, tem de entrar de cara limpa no debate público das redes sociais – O vereador Mauro Wanzeler vai pra cima, escancara para a sociedade a realidade do que acontece e os desmandos do atual prefeito – Outros pretendentes nos parecem ter medo do Fonseca, que governa com mão de ferro, desde que assumiu a prefeitura, Oriximiná vive a política da discórdia, famílias brigadas entre si, irmão intrigado com irmão, filho contra pai e as mães sofrendo – Isso tem de acabar e o único caboclo espoca bode raiz, com peito e coragem para fazer a pacificação do povo oriximinaense chama-se Mauro Wanzeler – Alô Governador Helder Barbalho ajude o Mauro a libertar o povo que hoje vive oprimido em Oriximiná.

terça-feira, 13 de fevereiro de 2024

🌐 A PARADA É MUITO LOUCA - Carnaval é uma festa popular de raiz, nasce no sangue do brasileiro e segue com ele por toda a vida... que coisa linda...


 

● EXÉRCITO: STF DECIDE SOBRE GOLPISTAS - O general Tomás Paiva que assumiu o Comando do Exército no início do governo Lula, garante que punição de golpistas depende das decisões do Xandão.

● EXÉRCITO DIZ QUE AÇÃO INTERNA CONTRA SUSPEITOS DE GOLPE DEPENDE DE DECISÕES DO STF - O comando do Exército decidiu esperar o término das investigações da Polícia Federal contra militares suspeitos de envolvimento na trama golpista no fim do governo Jair Bolsonaro (PL) para abrir processos administrativos sobre possíveis transgressões às regras das Forças Armadas.

A mesma estratégia foi adotada em casos anteriores, como o do tenente-coronel Mauro Cid. A espera pelos julgamentos no STF (Supremo Tribunal Federal), se for longa, pode criar distorções na carreira dos investigados e possibilitar promoções de suspeitos para altas patentes.

A Força afirmou, em nota, que as investigações são conduzidas pela PF, em inquérito sob sigilo no STF.

“O Exército, enquanto instituição que prima pela legalidade e pela harmonia entre os demais entes da República, vem colaborando com as autoridades policiais nas investigações conduzidas. As providências, quando necessárias, serão tomadas em conformidade com as decisões jurídicas acerca do assunto.”

A decisão de esperar o desenrolar das investigações e as decisões do Judiciário é justificada, internamente, pela necessidade de entender se as suspeitas levantadas pela Polícia Federal serão confirmadas no término do inquérito.

Segundo generais ouvidos pela Folha, abrir processos internos contra militares alvos de buscas e apreensões sem ter acesso às provas poderia resultar em procedimentos vazios.

O Código Penal Militar define, no artigo 99, que o militar condenado a pena privativa de liberdade por tempo superior a dois anos deverá perder o posto e a patente. A depender do crime, ele ainda pode ser considerado indigno para o oficialato.

Em ambos os casos, o militar expulso das Forças Armadas será considerado um morto fictício —e parte do salário que recebia da corporação será repassado à família a título de pensão.

Conforme o artigo 20 da lei que dispõe sobre as pensões militares (nº 3.765, de 1960), “o oficial da ativa, da reserva remunerada ou reformado, contribuinte obrigatório da pensão militar, que perder posto e patente deixará aos seus beneficiários a pensão militar correspondente ao posto que possuía, com valor proporcional ao tempo de serviço”.

Se os militares forem condenados a mais de dois anos de prisão, o MPM (Ministério Público Militar) terá de apresentar um pedido à Justiça Militar para os oficiais serem expulsos do Exército. Esses casos costumam ser analisados com celeridade pelas cortes militares, já que se trata de apenas um processo burocrático para confirmar a sentença na Justiça comum e declarar a perda da patente do oficial.

Enquanto os militares investigados não forem denunciados, eles podem seguir com a contagem do tempo de serviço e têm caminho livre para concorrer às promoções. É o caso de Mauro Cid e seu colega de turma na Aman (Academia Militar das Agulhas Negras) Guilherme Marques Almeida, alvo da operação da PF na última quinta-feira (8). Os dois estão na disputa pela promoção a coronel no ciclo que se inicia em abril.

Marques Almeida era o comandante do 1º Batalhão de Operações Psicológicas do Exército, com sede em Goiânia (GO), quando policiais federais bateram à porta para realizar buscas contra o militar.

Ele é apontado pela investigação da Polícia Federal como um dos integrantes do núcleo de desinformação e ataque ao sistema eleitoral que “teria atuado, prioritariamente, na produção, divulgação e amplificação de notícias falsas e de ‘estudos’ quanto à falta de lisura das eleições presidenciais de 2022”.

Sete militares da ativa do Exército foram alvos da operação da última quinta-feira. Por decisão do ministro Alexandre de Moraes, os investigados foram afastados de suas funções e devem permanecer nos quadros da Força sem exercer nenhuma atividade, mas recebendo os salários.

Dos 7, 3 foram presos. São eles o coronel Corrêa Netto, o tenente-coronel Rafael Martins e o coronel Marcelo Câmara está no Batalhão de Polícia do Exercito (BPE), em Brasília

Esses militares só terão as carreiras congeladas e serão impedidos de disputar promoções se forem denunciados pela PGR (Procuradoria-Geral da República). (Cézar Feitoza, Folhapress)