Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

...pior, durante o arraial, eu estava todos os dias no HMS acompanhando minha mãe e não vi um Padre, para dar uma benção para aquele monte de gente quebrada que vinha da cachaçada da festa da Padroeira... não posso concordar com isso.

CACHAÇA NA FESTA DA CONCEIÇÃO LOTA O HOSPITAL MUNICIPAL DE ACIDENTADOS - Em 2015, por essa época, tive a experiência de passar 22 dias dentro Hospital Municipal de Santarém, com a minha mãe acidentada entre a vida e a morte, o que me chamou a atenção foi o volume de acidentados que chegava de madrugada após o início dos festejos de Nossa Senhora da Conceição - Coisa absurda, teve noite de dar entrada no HMS 10 pessoas com algum tipo de trauma, 90% estavam de moto - Não entendia por que aquilo, perguntei ao diretor do Hospital, o profissional altamente capacitado, Glayton Rodrigues, a razão de tantos quebrados, ele então me explicou, que motoqueiros dos bairros de Santarém, vão para o arraial e lá enchem a lata, na madrugada retornam para seus bairros virados o cavalo do cão, provocando acidentes, uns até morrem em suas motocas envenenadas - O que me chamou a atenção foi que um dia após encerrar a festa da Padroeira, cheguei de manhã no hospital para tratar da minha mãe, levar remédios e roupas, fiquei surpreso, o local onde ela estava que durante o festa vivia entupido de gente, estava vazio, foi que perguntei ao administrador do Hospital de novo, ele me disse então que havia acabado o arraial da Conceição e o número de acidentados havia caído pela metade - Gente, falando sério, o Bispo Dom Flávio Giovenale, deveria proibir a venda de bebida alcoólica na festividade de sua Diocese, os eventos de massa dos evangélicos que não tem bebida alcoólica, não alteram o fluxo de acidentados no Hospital Municipal de Santarém, mas o arraial da Conceição é coisa absurda, pior, durante o arraial, eu estava todos os dias no HMS acompanhando minha mãe e não vi um Padre, para dar uma benção para aquele monte de gente quebrada que vinha da cachaçada da festa da Padroeira... não posso concordar com isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar o que quiser, apenas com coerência e sem ataques pessoais.